Categorias
Finanças dos clubes no Brasil

As Receitas de Televisão dos Clubes Brasileiros 2012

As Receitas de Televisão dos Clubes Brasileiros 2012

O futebol brasileiro está mudando. E depressa. Os principais clubes dispõem de cada vez mais receitas para travar a emigração dos melhores jogadores para a Europa. Pegamos no exemplo das receitas com a venda dos direitos de televisão. Só este ano os 20 clubes do Brasileirão vão arrecadar mais de 450 milhões de euros com esta rubrica.

Flamengo e Corinthians são os clubes que mais vão faturar com as transmissões televisivas dos seus jogos em 2012: 85 milhões de reais (aproximadamente 37 milhões de euros). Os dois principais clubes do Rio de Janeiro e São Paulo têm as maiores ‘torcidas’ do Brasil e esse foi o principal critério para o escalonamento das receitas.

Esse número mais do que duplicou face ao ano passado. Em 2011, o Mengão e o Timão receberam pouco mais de 40 milhões de reais. Porém, não foram os únicos ‘times’ a verem os seus proveitos com aos direitos de tv subir para o dobro. São Paulo, Palmeiras, Vasco e Santos também: cada um deles vai receber 75 milhões de reais (33,2 milhões de euros). Assim como Fluminense, Cruzeiro, Atlético MG, Grémio, Internacional e Botafogo, que vai gerar 55 milhões de reais (24,35 milhões de euros) só com esta rubrica.

AS RECEITAS TV DOS CLUBES BRASILEIROS 2012

# Clube 2011 2012 2012
1 Flamengo 41.600.000R$ 84.000.000R$ 37.180.000€
Corinthians 40.500.000R$ 84.000.000R$ 37.180.000€
3 São Paulo 36.200.000R$ 75.000.000R$ 33.200.000€
Palmeiras 35.000.000R$ 75.000.000R$ 33.200.000€
Vasco 32.200.000R$ 75.000.000R$ 33.200.000€
Santos 24.700.000R$ 75.000.000R$ 33.200.000€
7 Fluminense 25.400.000R$ 55.000.000R$ 24.350.000€
Cruzeiro 25.000.000R$ 55.000.000R$ 24.350.000€
Atlético MG 24.900.000R$ 55.000.000R$ 24.350.000€
Grémio 24.500.000R$ 55.000.000R$ 24.350.000€
Internacional 24.000.000R$ 55.000.000R$ 24.350.000€
Botafogo 23.000.000R$ 55.000.000R$ 24.350.000€
13 Bahia 15.800.000R$ 29.000.000R$ 12.800.000€
Atlético PR 15.000.000R$ 29.000.000R$ 12.800.000€
Coritiba 15.000.000R$ 29.000.000R$ 12.800.000€
Portuguesa 15.000.000R$ 29.000.000R$ 12.800.000€
Sport 15.000.000R$ 29.000.000R$ 12.800.000€
Guarani 15.000.000R$ 29.000.000R$ 12.800.000€
Goiás 15.000.000R$ 29.000.000R$ 12.800.000€
Vitória 15.000.000R$ 29.000.000R$ 12.800.000€

Há ainda um quarto grupo composto por oito clubes que vão receber 29 milhões de reais. Ou 12,8 milhões de euros, semelhante ao que clubes de Portugal, por exemplo, Benfica, FC Porto e Sporting conseguem arrecadar por ano. São eles: Bahia, Atlético PR, Coritiba, Portuguesa, Sport, Guarani, Goiás e Vitória.

Se o retorno de algumas das maiores estrelas canarinhas do futebol brasileiro é algo que já vem acontecendo nos últimos anos, com este impulso financeiro nos cofres dos clubes a tendência deverá acentuar-se ainda mais.

Por outro lado, há ainda outra questão que poderá mudar o futebol europeu tal como o conhecemos actualmente. Praticamente qualquer equipa de topo no Velho Continente tem um jogador brasileiro nas suas fileiras. Ora, com o maior poder negocial, os ‘times’ terão também a possibilidade de fixar os maiores craques.

O Santos é um óptimo exemplo, uma vez que tem conseguido aguentar Neymar e Ganso face às investidas dos tubarões europeus, incluindo Real Madrid e Barcelona. O apelo financeiro da Europa está ficando para trás. Agora só mesmo o apelo da competição ao mais alto nível é que pode atrair as estrelas do país onde nasceram, entre outros, Pelé, Pelé, Garrincha, Romário e Ronaldo.

Fonte: www.globo.com


Deixe uma resposta